Revista Educação e Linguagens, Vol. 5, No 8 (2016)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

ENTRE O CONHECIMENTO E A PAIXÃO: (IM)POSSIBILIDADES DE CONSTITUIÇÃO DE UM SABER SOBRE A ESCRITA

Marinalva Vieira Barbosa

Resumo


O objetivo deste artigo é apresentar uma reflexão, a partir da análise de textos de alunos e alunas de cursos de licenciaturas de diferentes áreas do conhecimento, sobre a posição (des)apaixonada do(a) aluno(a) contemporâneo(a) em relação ao conhecimento e a constituição de uma escrita que apresente indícios de um saber resultante da formação vivenciada na universidade. Em nossas análises concluímos que há um excesso de informação nas produções analisadas, resultante das vivências dos alunos nos espaços mais amplos da sociedade. Por isso, há um aprendizado que precisa ser objeto incondicional de ensino nas aulas de língua portuguesa: o de que a palavra não carrega sentidos universalizados, estáveis. Cada interpretação exige a construção e reconstrução de sentidos a partir do trabalho com a linguagem.

Texto Completo: PDF