Revista Educação e Linguagens, Vol. 2, No 3 (2013)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

PESQUISAS SOBRE O PROFESSOR INICIANTE NO PROGRAMA DE PÓSGRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DA UFSCAR: O ESTADO DO CONHECIMENTO DE 2000-2010

Monique Aparecida Voltarelli, Renata Cristina Cunha, Cátia Silvana Costa

Resumo


O início da profissão docente se caracteriza como uma etapa única e de transição na vida dos professores iniciantes que, marcada por sentimentos como descoberta e sobrevivência, torna-se fundamental para o processo de tornar-se professor de profissão. O objetivo desse trabalho é levantar, caracterizar e analisar o estado do conhecimento sobre o professor em início de carreira, a partir das dissertações e teses defendidas no Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) na linha de “Formação de Professores e outros agentes educacionais” no período de 2000 a 2010. Para a materialização desse estudo, realizamos uma pesquisa bibliográfica das sete dissertações e cinco teses defendidas no programa nesse período. Para a análise de cada trabalho, consideramos os seguintes aspectos: questão de pesquisa, principais referenciais teórico-metodológicos, conceitos e autores, método e procedimentos metodológicos, ferramentas de coleta de dados e os principais resultados obtidos. As análises dos trabalhos os professores principiantes na profissão do PPGE/UFSCar indicam que no PPGE no referido período essa temática pode ser considerada tanto como emergente quanto recorrente a partir de 2005. O estudo também indica que as pesquisas sobre esta temática destacam, não apenas os problemas, mas também as contribuições dos resultados obtidos para a formação do professor iniciante.

Texto Completo: PDF