Revista Educação e Linguagens, Vol. 3, No 4 (2014)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

GÊNEROS TEXTUAIS E GÊNEROS DA ATIVIDADE NA FORMAÇÃO DOCENTE: UMA POSSIBILIDADE DE DESENVOLVIMENTO DO PROFESSOR

Luzia Bueno, Rafaela Scaransi, Renata Rocha

Resumo


Este artigo tem por objetivo analisar os deslocamentos que ocorrem no trabalho do professor participante de um Grupo de Estudos sobre leitura e análise linguística no Ensino Fundamental I. A pesquisa corresponde ao estudo de uma pauta de formação e registros de professores durante um curso oferecido pela Secretaria de Educação de Itatiba, SP. Tal estudo foi realizado pelo grupo ALTER-AGE, da Universidade São Francisco. Para tanto, tomamos como aporte teórico as ideias do Interacionismo-Sociodiscursivo, as discussões didáticas sobre gêneros textuais e as pesquisas sobre gêneros da atividade das Ciências do trabalho com os estudos do grupo ALTER. No Interacionismo-Sociodiscursivo, o trabalho é definido como uma forma de agir cujas representações são construídas na linguagem. Dessa forma, o trabalho se constitui como um dos lugares centrais de desenvolvimento do ser humano na sociedade atual. Sendo assim, ao estudarmos textos e o trabalho realizado com eles, estamos também contribuindo para uma compreensão maior de como se dá esse desenvolvimento humano e profissional. Essa compreensão pode auxiliar tanto os cursos de formação especificamente da área de Educação, quanto também todos os outros que se utilizam dos cursos de formação como meios de assegurar um desenvolvimento profissional do professor.


Texto Completo: PDF