Revista de Geografia, Meio Ambiente e Ensino, Vol. 8, No 3 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

ANÁLISE DAS MÉTRICAS DE ECOLOGIA DE PAISAGEM EM FRAGMENTOS FLORESTAIS NO MUNICÍPIO DE SALGADO FILHO/PR

Leonardo Coelho de Oliveira Riboldi, Larissa Vareschi Récio, Igor José Malfetoni, José Hilário Delconte Ferreira, Edivando Vitor Couto

Resumo


A diminuição, perda e fragmentação de habitats são as principais ameaças contra a biodiversidade. A maioria dos resquícios de vegetação natural hoje encontrada em todo o mundo está fragmentada, com escassez de conectividade, complexidade, e baixa qualidade biótica e abiótica. Através do auxílio de imagens de satélite e Sistemas de Informação Geográfica é possível obter métricas e distribuição dos fragmentos ao longo de uma paisagem. O presente trabalho tem por objetivo analisar os fragmentos florestais da paisagem que compõem o município de Salgado Filho, Paraná, fazendo uso de ferramentas de geoprocessamento e métricas em ecologia de paisagem. Foram levantados e observados 3175 fragmentos florestais que totalizam 42% da área territorial do município. Apesar do resultado para o Índice de Patton ter indicado baixa complexidade entre os fragmentos, a relação perímetro e área apresenta baixa qualidade de fragmentos, sendo frágeis quanto à proteção da diversidade biológica.

Texto Completo: PDF