Revista de Geografia, Meio Ambiente e Ensino, Vol. 3, No 2 (2012)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

ANÁLISE MORFOMÉTRICA, DE USO DA TERRA E COBERTURA FLORESTAL DA BACIA DO RIBEIRÃO BOA ESPERANÇA – BRASILÂNDIA (MS)

Rafael Brugnolli MEDEIROS, Angélica Estigarribia SÃO MIGUEL, Wallace de OLIVEIRA

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo avaliar o uso da terra e cobertura florestal na bacia hidrográfica Ribeirão Boa Esperança, localizada no município de Brasilândia/MS nos anos de 1999 e 2010. Para a caracterização morfométrica da bacia, foi utilizada a metodologia proposta por Christofoletti (1980) na determinação da análise morfométrica, ou seja, análise linear e areal. O processo de manipulação dos dados foi executado no SIG Spring 5.0.6. Como resultados preliminares, foram comparadas as imagens de satélite por meio de análise do mapa de uso da terra e cobertura florestal e observou-se uma diminuição de pastagem e cana de açúcar presentes na região, outro fator que teve uma mudança considerável na comparação entre os anos, é o aumento de silvicultura, vegetação de solo úmido e vegetação florestal e nota-se um leve declínio na área ocupada por vegetação campestre.

Texto Completo: PDF