Revista de Geografia, Meio Ambiente e Ensino, Vol. 2, No 1 (2011)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

BALNEABILIDADE NO BAIXO SUCURIÚ, MUNICÍPIO DE TRÊS LAGOAS/MS

Gustavo Henrique Oliveira, André Luiz Pinto, Marcos Vinícius Marques Fernandes, Agatta Ferreira Araújo

Resumo


Para avaliar a balneabilidade das praias que banham os ranchos e os condomínios, localizados ao longo do baixo curso do rio Sucuriú, no município de Três Lagoas/MS, utilizou-se do oxigênio dissolvido - OD como principal indicador de qualidade. Para as análises foram escolhidos 14 estações, monitoradas no inverno de 2009. Para avaliar a balneabilidade utilizou-se as classes de enquadramento do CONAMA, resolução 357/2005. Os resultados mostram que de forma geral, as águas superficiais da bacia do Sucuriú, nesse trecho são de boa qualidade e consecutiva balneabilidade, enquadrando-se na classe I. A facilidade de obtenção das mensurações do OD no campo, seu baixo custo e eficiência demonstram sua viabilidade para tal fim.

Texto Completo: PDF