Revista Paranaense de Educação Matemática, Vol. 6, No 12 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

MODELAGEM MATEMÁTICA: ABORDAGENS NA EDUCAÇÃO BÁSICA NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO MATEMÁTICA CRÍTICA

Milene Nagila Mesquita, Amauri Jersi Ceolim

Resumo


Este artigo apresenta resultados de uma pesquisa que objetivou investigar concepções atribuídas à Modelagem Matemática (MM) na perspectiva da Educação Matemática Crítica (EMC), em artigos científicos e em relatos de experiência da VIII e IX CNMEM, e também em livros de autores brasileiros com abordagens em MM selecionados no CREMM de 2016 e como a Modelagem tem sido abordada na Educação Básica. Para isso, se embasou na EMC concebida por Skovsmose. Para o desenvolvimento metodológico foram considerados os procedimentos sugeridos por Moraes (2003) para uma análise textual discursiva de cunho qualitativo. A análise realizada possibilitou a construção de nove unidades de significado. Dessas unidades emergiram três categorias que evidenciam que as concepções, no âmbito da Educação Básica, convergem com aspectos da perspectiva da EMC com relação à democracia na sala de aula, ao desenvolvimento de competência crítica e autonomia, por parte dos estudantes, a partir do conhecimento reflexivo ─ desenvolvido por meio das reflexões possibilitadas pelo ambiente de problematização, de investigação e de reflexão proporcionado pelas atividades de MM.

Texto Completo: PDF

A Revista Paranaense de Educação Matemática, periódico semestral da Universidade Estadual do Paraná - Campus de Campo Mourão, está indexada nas seguintes bases de dados: