Revista Paranaense de Educação Matemática, Vol. 5, No 9 (2016)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

CONCEITOS GEOMÉTRICOS ELABORADOS POR UM ALUNO COM SÍNDROME DE ASPERGER EM UM LABORATÓRIO DE MATEMÁTICA ESCOLAR

Stênio Camargo Delabona, Jaqueline Araújo Civardi

Resumo


A presente pesquisa objetivou analisar o significado dado ao objeto de estudo geométrico por um aluno com Síndrome de Asperger, a partir da aplicação de uma proposta pedagógica que valorize o desenvolvimento de atividades no Laboratório de Matemática Escolar (LME). A abordagem investigativa é qualitativa e o método utilizado foi o estudo de caso. Os procedimentos e recursos metodológicos, adotados neste estudo, envolveram registros de oficinas de aprendizagem desenvolvidas com o sujeito da investigação, entrevistas, diálogos e análise documental. Os pressupostos teóricos que a nortearam a pesquisa fundamentaram-se na Teoria Histórico-Cultural. Os resultados mostraram que: (1) as estratégias pedagógicas do professor-pesquisador e as oficinas realizadas no LME favoreceram a aprendizagem do aluno e a aquisição de novos conceitos científicos; (2) conceitos científicos, abstraídos anteriormente, deram subsídios para a aquisição de novos conceitos científicos, além de possibilitarem um aumento qualitativo nos argumentos matemáticos durante a resolução de problemas em grupo.  Assim, os resultados apresentaram uma evolução no processo de argumentação e resolução de atividades matemáticas por parte do estudante, o que denota uma melhor manipulação dos signos matemáticos e também a aquisição de conceitos científicos.


Texto Completo: PDF

A Revista Paranaense de Educação Matemática, periódico quadrimestral da Universidade Estadual do Paraná - Campus de Campo Mourão, está indexada nas seguintes bases de dados:

                                 

 

 

Licença Creative Commons

Os artigos da Revista Paranaense de Educação Matemática estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.